AnálisesDestaque

Sennheiser IE8

Brilho:A reprodução dos instrumentos de corda e de metais não têm um brilho acentuado, é até suavizado e não existe aspereza, isto é benéfico para audições prolongadas sem causarem grande cansaço. A claridade dos up-mids e dos agudos é um ponto que merece destaque nos ie8, uma vez que não são excessivamente enfatizados, evitando sibilância, mas mantendo a claridade.

Transparência: Existe a perceção de profundidade (fator muito dependente do leitor), havendo uma boa separação dos intervenientes, tornando-se exemplares em grandes orquestras, uma vez que conseguem englobar todo o conjunto mantendo uma profundidade assinalável. Na música de teste da transparência, do álbum Open Your Ears, os IE8 conseguem transmitir o som de uma forma pura, com claridade sendo mesmo possível ouvir com clareza a distorção da guitarra em conjunto com a grande caixa vocal de John Hammond.

Ritmo: Os IE8 conseguem transmitir todo o groove necessário e com alguma sensualidade inclusive (Hajji Baba), sem chegar ao extremos dos SM2, mas com mais energia.

Profundidade de Palco: Tudo relacionado com o palco é excecional nos IE8, começando pela sua apresentação espacial única. Enquanto que nos Fisher Audio dba-02 temos a sensação de ouvir a música de dentro da orquestra para fora, nos IE8 é exatamente o oposto. O som é que vai ter connosco, mantendo uma noção de espaço irrepreensível.

Vocais: Enquanto nos HJE900 as vozes soam de uma forma fina, sem grande mal para vozes femininas, em vozes masculinas o resultado é mau. Os IE8 conseguem transmitir o corpo e a força, mantendo a resolução sem sobreposição entre as várias vozes (The Persuations). Destaco a profundidade, projeção e o corpo, não tanto o detalhe.

Coloração: Não faço ideia porque classificam os IE8 como pertencendo à gama profissional de in-ears, dado que existe alguma coloração ao longo do espectro, não é que seja má, traz riqueza ao som, mas não sei ao certo se serão os mais recomendados para o mercado profissional. A principal vantagem será que a música soará sempre de forma agradável sem transmissão de fadiga, o que na minha opinião é mais importante para o dia a dia. Têm de certo modo um arredondamento no som, é um som agradável sem extremos (“sweet”) pontiagudos, embora aborrecido e sem grandes variações.

 

Página anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9Página seguinte
Etiquetas

Artigos Relacionados

Back to top button
Close
Close