Notícias

CEO da Uber acusado na Coreia do Sul

Parece que na Coreia do Sul, o CEO Travis Kalanick da Uber, poderá estar em sérios problemas legais, uma vez que as autoridades do país o acusaram de conduzir um serviço ilegal de táxis no país. A empresa, juntamente com a sua agência de alugueres MK Korea, terá quebrado leis que impedem companhias de aluguer de viaturas de operar serviços de transporte de passageiros.

uber-ceo

Adicionalmente, as autoridades sul-coreanas anunciaram recompensas de 910$ para quem denunciar outras atividades ilegais da empresa.

De certo modo, esta notícias não surpreendem ninguém, dado que é sabido que a Uber tem encontrado resistência em todos os países para os quais se expande.

Se condenado, o CEO da Uber poderá enfrentar um castigo que poderá envolver o pagamento de uma multa até 18.000$ ou alternativamente, 2 anos de prisão.

Entretanto, a Uber já fez uma declaração, na qual afirma que a empresa acredita estar a operar legalmente na Coreia do Sul.

Etiquetas

Artigos Relacionados

Back to top button
Close
Close