AnálisesDestaque

Motherboard MSI X99S Gaming 9 AC

Benchmarks

Sistemas utilizados

Como podem ver adicionamos ao conjunto que já falamos uma placa gráfica também da MSI, a MSI GTX 960 Gaming 2G (que prometemos analisar no futuro), já que neste sistema têm que adicionar uma placa gráfica.
A comparação é feita a um sistema Intel socket 1150 com o processador Core i7 4790K em que apresentamos os testes com a placa gráfica integrada e com a placa gráfica da MSI.

Antes de passarmos aos benchmarks nunca é demais frisar que os benchmarks nunca contam toda a história. Temos por um lado um sistema muito mais caro com mais dois cores físicos mas menos 700MHz em cada core e apenas em dual channel em vez de estar em quad channel conforme seria mais justo.

Comparamos o processador actualmente topo de gama da plataforma 1150 com o mais baixo da gama da plataforma 2011-v3.

Processador Intel Core i7-5820K @ 3.30GHz (ES) Intel Core i7-4790K @ 4GHz (LGA1150)
Cooler Raijintek Ereboss Black Antec Kuhler H2O 620 (LGA1150)
Motherboard MSI X99S Gaming 9 AC ASRock Z97 Extreme4 (LGA1150)
Placa Gráfica MSI GTX 960 Gaming 2G Intel HD Graphics 4600 (LGA1150)
RAM Crucial Ballistix 2 X 8GB DDR4 – 2400 UDIMM @ 1,2V Crucial Ballistix 2 X 8GB DDR3 – 1600 @ 1,5V (LGA1150)
Armazenamento OCZ ARC 100 240GB
Fonte de Alimentação Antec CP-1000
Caixa Benchtable aberta

wPrime

wPrime-32

wPrime-1024

O wPrime é um benchmark que calcula números primos e ao contrário do SuperPI, faz isso de uma forma a utilizar todos os cores disponíveis num processador.
Neste caso, contando com o Hyper-threading, são 12 cores no sistema da MSI contra 8 no sistema ASRock. Mesmo tendo em conta a diferença de clock favorável ao sistema da ASRock, o sistema da MSI com os seus 12 cores consegue acabar mais rápido estes cálculos.

x264 HD Benchmark

x264-FirstPass

x264-SecondPass

O x264 HD Benchmark é um benchmark de enconding de vídeo que usa puramente o processador. É também um benchmark multi-threaded e por isso mais uma vez o sistema da MSI consegue ser mais rápido em enconding que o sistema da ASRock, tanto no primeiro passo, como no mais puxado para o processador, segundo passo.

7-Zip

7zip

O 7-Zip é um utilitário de compressão e descompressão. Tem uma ferramenta de benchmark incluído para os dois casos e também consegue usar todos os cores disponíveis.
Como consequência disso, o sistema da MSI é mais uma vez mais rápido que o da ASRock.

Geekbench 3

Geekbench3

Geekbench é uma suite de benchmarks puramente de processador. Ele gera uma série de cálculos em dois modos. Usando só um core do processador e usando todos os cores.
Sendo que os processadores neste teste são da mesma geração, mas em que no sistema da MSI, o processador tem menos clock, mas mais cores, em single core, o sistema da MSI perde por alguma margem. Já quando se usam todos os cores, vê-se a vantagem de ter um sistema com 6 cores, ao contrário de 4.

Browser

Browser-browsermark

Browser-DromaeoDomBenchmark

Browser-FlashBenchmark2008

Browser-HTML5Benchmark

Browser-Kraken

Browser-Octane

Browser-WebXPRT

Executamos vários benchmark de browser, sempre com a versão 40 do Google Chrome e a realidade é que o sistema da ASRock com muito mais clock (700 MHz por core), consegue bater sempre, ou quase sempre, o sistema com 6 cores da MSI. No entanto devemos salientar que em muitos destes benchmarks só se nota a diferença em sistemas móveis. Estes dois computadores são tão rápidos, que na prática um utilizador com o sistema da MSI não vai notar lentidão a navegar na Web.

Sobre o caso do HTML5 benchmark, que no sistema da ASRock, por mais testes que se fizesse, deu sempre um score muito baixo, não dá perceber a razão para tal, sendo que, até melhor explicação seja apenas uma anomalia com este benchmark.

AIDA 64

AIDA64-CPU-AES256

AIDA64-CPU-DoublePrecisionMandel

AIDA64-CPU-SHA1

AIDA64-CPU-SinglePrecisionJulia

AIDA64-CPU-FloatingPoint

AIDA64-CPU-Integer

O AIDA 64 é um programa que inclui vários benchmarks sintéticos. Na primeira parte, onde estão os benchmarks de processador multi-threaded, podemos concluir que o sistema da MSI é mais rápido que o sistema da ASRock, tanto em números inteiros como em cálculos com vírgula flutuante.

AIDA64-CPU-L1-Latency

AIDA64-CPU-L1

AIDA64-CPU-L2-Latency

AIDA64-CPU-L2

AIDA64-CPU-L3-Latency

AIDA64-CPU-L3

A nível de caches L1, L2 e L3 podemos concluir que a nível de latência são as 3 mais lentas no sistema da MSI que no sistema da ASRock. Em parte isto deve-se ao clock mais elevado no sistema da ASRock e no caso da L3 por ser maior no sistema da MSI. A nível de bandwidth pura, a L1 e L2 é mais rápida no sistema da MSI, mas mais lenta na L3 devido ao seu maior tamanho.

AIDA64-CPU-Memory

A nível de memória, os dois sistemas estão em dual channel. O que faz aqui a diferença a favor do sistema da MSI é o clock mais elevado da DDR4.
Em quad channel seria de esperar valores ainda mais elevados a favor da MSI.

AIDA64-GPU-AES256

AIDA64-GPU-DoublePrecisionMandel

AIDA64-GPU-FloatingPoint

AIDA64-GPU-Integer

AIDA64-GPU-Memory

AIDA64-GPU-SHA1

AIDA64-GPU-SinglePrecisionJulia

A nível de GPU o que podemos concluir é que o GPU integrado do Intel Core i7-4790K não chega nem perto da GTX960, quando instalado nos dois sistemas.
Com a GTX960 nos dois sistemas os valores são muito próximos, com alguma vantagem para o sistema da ASRock. Mas muito pouca.

CineBENCH

CineBench-11.5-CPU

CineBench-11.5-CPUSingleCore

CineBench-11.5-OpenGL

CineBench-15-CPU

CineBench-15-CPUSingleCore

CineBench-15-OpenGL

O CineBENCH é um benchmark de rendering que pode usar só um core, todos os cores e ainda OpenGL com a gráfica. A nível de single core, tanto na versão 11.5 como 15, o sistema da ASRock bate largamente o sistema da MSI, devido ao seu elevado clock. Já quando vemos os resultados a usar todos os cores, o sistema da MSI bate o da ASRock, por ter um processador com mais cores.

A nível de OpenGL, na versão 11.5 com a GTX960 o sistema da ASRock é mais rápido, mas na versão mais recente, a 15, a MSI é muito superior.

PCMark 7

PCMark7-Computation

PCMark7-Creativity

PCMark7-Entertainment

PCMark7-Productivity

No PCMark 7, um benchmark já com alguns anos que testa o desempenho geral de um processador, os resultados para o sistema da MSI não são os melhores, no entanto continuam a ser bons resultados. Este benchmark não consegue aproveitar todos os cores disponíveis no sistema da MSI e por isso a vantagem do processador com mais clock do sistema ASRock ganha em todos os cenários.

PCMark 8

PCMark8-Creative

PCMark8-Home

PCMark8-Work

No PCMark 8, que também é um benchmark de aplicações, executamos o mesmo com a ajuda do GPU e podemos ver que a GTX960 ajuda um pouco. Os resultados são bons para o sistema da MSI. No entanto não bate o sistema ASRock com a GTX960. Mais uma vez o número de cores não bate a maior velocidade de relógio do processador com menos cores.

3DMark

3DMark-CloudGate

3DMark-FireStrike

3DMark-IceStorm

3DMark-SkyDiver

O 3DMark é um benchmark sintético de jogos, mas inclui a parte de “Physics” que é processada pelo processador e este ponto que quero salientar, visto que o sistema da MSI aqui consegue ser um pouco melhor que o sistema da ASRock, com ou sem GPU integrado.

LuxMark

Luxmark

LuxMark é um benchmark OpenCL e podemos verificar que não há nada que o GPU integrado no processador da ASRock possa fazer contra uma GTX960, mesmo quando usa o GPU e CPU ao mesmo tempo. Com a GTX960, o sistema da MSI é um pouco mais lento.

Jogos

PLAGame

Unigine-Heaven

Unigine-Valley

BioShock-Infinite

TombRaider

ResidentEvil6

A nível de jogos, testamos vários e com a GTX960 o sistema da MSI é um pouco mais lento. O que podemos dizer é que os jogos ainda gostam mais de clock elevado do que múltiplos cores. Em todos os casos assim acontece.

Página anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10Página seguinte
Etiquetas

Artigos Relacionados

Back to top button
Close
Close