AnálisesDestaque

Análise ao novo OCZ Vector 180

Benchmarks

Antes de passar aos benchmarks propriamente ditos devo referir que o sistema onde esta análise foi efetuada é diferente. É basicamente um sistema novo com processador, motherboard, placa gráfica e memórias, e como sistema operativo usamos o Windows 7 com todas as actualizações. Atendendo a esta alteração refizemos todos os testes e apresentamos apenas os que pudemos repetir nesta plataforma.

Todos os discos SATA ficaram ligados a portas SATA da controladora da Intel. Isto é relevante porque tivemos valores bastante inferiores quando ligados a duas portas SATA que têm outra controladora.

Se compararem com as análises anteriores há valores bastante diferentes em particular no OCZ ARC 100 que não podemos validar se pode também ter sido como o novo firmware que entretanto saiu, e para o qual alertamos na análise, mas que já não fomos a tempo para repetir os testes.

Processador Intel Core i7-4790K @ 4GHz
Cooler Antec Kuhler 620
Motherboard ASRock Z97 Extreme4
Placa Gráfica MSI GTX 960 Gaming 2G
RAM Crucial Ballistix Sport 2 X 8GB DDR3
Armazenamento OCZ ARC 100 240GB
OCZ Vector 180 240GB
OCZ RevoDrive 350 480GB
Crucial M500 480GB
Samsung F3 1TB
Fonte de Alimentação Antec CP-1000
Caixa Benchtable aberta
Sistema Operativo Windows 7 SP1

AIDA 64

O AIDA 64 Disk Benchmark testa a largura de banda em leitura linear e aleatória.

Repetimos a brincadeira de incluir um disco mecânico para mostrar a enorme diferença de acesso para os SSDs. O ARC 100 e o Vector 180 têm números iguais mas nenhum SSD fica mal na fotografia.

O OCZ RevoDrive a mostrar a vantagem do RAID e do interface PCIe. Fica prometido que iremos, logo que possível, comparar o OCZ ARC 100 em RAID 0. O OCZ Vector 180 ganha dentro dos discos com interface SATA.

A leitura linear no meio é igual para todos os SSD com interface SATA. Podemos considerar aqui um empate técnico. O Crucial M500 é de 480GB pelo que é possível que se fosse de 240GB como o ARC 100 e o Vector 180 tivesse valores ligeiramente inferiores.

O RevoDrive 350 está num patamar completamente diferente assim como o disco mecânico pelas razões opostas.

Em leitura aleatória o OCZ Vector 180 ganha por uma pequena margem ao OCZ ARC 100 e ao Crucial.

De referir que em vez de apresentar os resultados separados para os diversos tamanhos de blocos de dados optamos por colocar o melhor valor. No caso do OCZ ARC 100, Crucial M500 e RevoDrive 350 os melhores resultados foram com blocos de 8MB; no Samsung, que é um disco mecânico, foi de 64KB; e no OCZ Vector 180 foi de 4MB.
Dependendo do feedback no futuro podemos alterar esta avaliação mas os valores estão dentro do esperando podendo de alguma forma ser valorizado que o firmware do OCZ Vector 180 esteja optimizado para blocos mais pequenos que é habitualmente onde a performance é menor.

AS SSD

Este benchmark usa dados não comprimíveis para todos os testes de transferência de dados. Pode dizer-se que é o pior cenário possível para os SSDs.

Dados sobreponíveis aos que vimos no AIDA 64. Sem surpresa o ARC 100 e o Vector 180 têm o mesmo resultado.

Seja o firmware ou a diferença na controladora, é o teste onde há mais diferença entre o Vector 180 e o OCZ ARC 100. O impacto do Crucial M500 ser de 480GB, e não de 240GB como os OCZ referidos, não conseguimos saber qual seria.

O gráfico mais complicado de todos. Parece que de repente o RevoDrive 350 passou a ser um disco com interface SATA. Em leitura os dados são tão semelhantes que temos mais um empate e na escrita o cenário não é muito diferente. O OCZ Vector 180 volta a sobrepor-se ao ARC 100 por pouco mas o Crucial M500 acaba por ganhar na escrita.

Valores muito interessantes para todos os SSD e dentro do espectável. O OCZ ARC 100 melhor na escrita do que na leitura apesar de perder em ambos os casos para o Vector 180. O Crucial M500 perde significativamente na escrita para a concorrência direta.

ATTO

O ATTO Disk Benchmark permite avaliar a performance dos dispositivos de armazenamento em leitura e escrita para diferentes tamanhos de ficheiros. Os dados utilizados nos testes são comprimíveis e não comprimíveis.

 

O ATTO é um benchmark interessante porque permite verificar a evolução do desempenho com inúmeros tamanhos de ficheiros diferentes. Até aos 32KB o OCZ RevoDrive não se destaca como esperávamos, para depois terminar em grande como é de esperar. A performance do OCZ Vector 180 acaba por ser a melhor a partir dos 128KB e antes disso brilha nos 4KB.

CrystalDiskMark

Mede o desempenho em leitura e escrita, sequencial e aleatória de vários tamanhos de ficheiros.

 

Desempenho superior em escrita do que em leitura no OCZ Vector 180.

 

Diferença muito significativa para o Crucial M500 em relação ao ARC 100 e Vector 180 que não se traduz noutros benchmarks. Não temos uma boa explicação para esta diferença.

O OCZ Vector 180 em todos os testes no CrystalDiskMark obteve valores superiores em escrita do que em leitura.

Página anterior 1 2 3 4 5 6Página seguinte
Etiquetas

Artigos Relacionados

Back to top button
Close
Close