AnálisesDestaque

Shuttle XPC Slim DH370

A caixa é pequena mas o processador é "grande"

Conclusão

O Shuttle DH370 é um pequeno sistema muito interessante. É extraordinário pensar que se pode ter algo com a potência de processamento de um i7 8700 num pacote tão pequeno.
Na prática, o i3 8100 do teste e o i5 8400 parece-nos os CPUs que melhor acabam por casar com este barebone, fruto da sua relação performance/preço. Para quem precisa de performance extra, o i7 8700T também poderá ser uma boa opção, oferecendo 12 threads num TDP de 35W.
Quanto ao DH370 em si, é-nos difícil imaginar uma máquina de escritório melhor que esta, graças ao suporte para triplo monitor 4K, dupla LAN, 8 portas USB, e o poder de CPUs de desktop. E com espaço para um HDD de 2,5” e um SSD M.2 até pode levar uma quantidade generosa de armazenamento sem sacrificar a performance. Tudo numa pequena “embalagem” de pouco mais de um litro que pode ser montada na traseira de qualquer monitor com suporte VESA.
As portas série embutidas piscam o olho a impressoras matriciais e aplicações industriais, onde este barebone também poderá assentar como uma luva.
E todos os utilizadores caseiros que apenas querem um sistema para produtividade, internet, solitário e a eventual perninha no photoshop podem ter aqui uma excelente solução, capaz de tudo o que necessitam e quase sem ocupar espaço na secretária. Pode ainda ser uma excelente solução para um HTPC, graças à porta HDMI 2.0 integrada e às capacidades de decoding por hardware dos CPUs suportados.

Este modelo encontra-se à venda por cerca de 270€, um preço que engloba chassis, alimentação, motherboard e cooling. O kit wireless vende-se por cerca de 30€.
O i3 8100 encontra-se de momento a 120€, elevando o preço do conjunto barebone+CPU para cerca de 400€, um valor competitivo com mini-pcs como os Intel NUC ou os próprios Shuttle XPC Nano. Em relação a estes o DH370 sacrifica um pouco de tamanho e eficiência energética para oferecer versatilidade e conectividade sem paralelo em sistemas tão compactos.
No fim, cabe a cada um analisar e escolher a opção que melhor se adequa ao seu caso. Quanto a nós, apenas lamentamos não ter uma opção semelhante com socket AM4. Quem não gostaria de ver um Ryzen 2400G num sistema destes?
Recomendado.

A ZWAME agradece à Shuttle a disponibilização do equipamento para análise.

Página anterior 1 2 3 4
Etiquetas

Artigos Relacionados

Back to top button
Close
Close