Artigos

Apresentação do Google Chrome OS

Hoje decorreu uma conferência da Google para apresentar mais informação sobre o sistema operativo Chrome OS. Já escrevemos sobre o Chrome OS antes e a apresentação hoje veio clarificar alguns pontos.

O login é feito através da nossa conta do gmail. Para quem usa o Chrome como browser pode e todo o momento ter sincronizado todos os seus dados independentemente do computador onde esteja. No entanto, é possível usar o Chorme OS com uma conta de guest. No fundo da mesma forma que podemos usar o modo incógnito hoje no Chrome. Vai haver uma Chrome web store que já podem ver que não é muito diferente de outras já conhecidas. Cada janela do browser funciona como uma aplicação. Assim aquilo que já fazem em qualquer tab de qualquer browser pode ser considerado o mesmo. Ou seja, podem estar a escrever um texto no google docs, editar uma fotografia no picnik ou simplesmente a navegar na net.

Achei particularmente conseguida as várias páginas feitas a pensar no Chrome OS. A página (ou melhor, a webapp) do New York Times, National Public Radio e da Amazon.

Cr-48. O primeiro portátil com o Chrome OS

O lançamento do Chrome OS ocorrerá a meio do próximo ano. Hoje foi mostrado o primeiro portátil com o nome Cr-48. Disponível em todas as cores desde que seja em preto. Será distribuido através de um programa que a Google designou como Pilot Program e não é mais do que uma beta pública onde a Google espera recolher o maior número de dados e resolver todos os problemas. As especificações são bastante normais:

  • Ecrã de 12.1”.
  • Teclado Full size keyboard.
  • Oversized clickpad.
  • Qualcomm Gobi 3G chip.
  • 802.11n dual-band WiFi.
  • + de 8 horas de bateria em utilização.
  • + de 8 dias em standby.
  • Webcam.
  • Armazenamento em Flash.

O teclado tem o pormenor de no botão de Caps a função é o search.

Se pensarmos o Google Chrome OS não é mais do que um thin client. É engraçado como a história se repete. Temos tablets já à muitos anos que nunca tiveram grande sucesso até ao lançamento em janeiro do iPad e não querendo fazer prognósticos quanto ao sucesso ou não do Google Chrome OS a verdade é que parece que é tudo aquilo que os thin client nunca conseguiram ser.

O vídeo em inglês resume grande parte do que foi apresentado hoje.

Análise: ars technicaEngadget

Etiquetas

Artigos Relacionados

Close
Close