AnálisesDestaque

Elgato Stream Deck

Como funciona

A Stream Deck é, naturalmente, dependente do seu software. Se ligada sem este estar presente, serve apenas como pisa papeis de alta tecnologia, apresentado o logo da elgato.

Felizmente, a primeira coisa que o guia de iniciação rápida faz é direccionar todos aqueles que não consigam lá chegar pelos seus próprios meios para a página de downloads de software da elgato.

Após a descarga e instalação do software, a Deck dá-nos as boas-vindas.

Esse botão leva-nos até uma página onde pode ser visto um vídeo que faz um trabalho bastante bom a explicar as potencialidades do software (e, consequentemente, da Deck) e onde se encontra uma FAQ também de grande utilidade.

No ecrã inicial é possível ver desde logo a multitude de serviços e aplicações suportadas com acções pré-programadas.

Deixamos a lista dedicada ao Twitch, como exemplo.

Nas preferências, o primeiro separador é dedicado a definições básicas da Deck. A função de ajuste do brilho também pode ser atribuída a teclas da própria Deck.

Algumas das acções permitidas pela Deck requerem acesso às contas de serviços de streaming e redes sociais associadas. É neste separador que essas contas podem ser adicionadas à Stream Deck.

Por fim, a gestão de perfis. Os perfis criados podem ser associados a aplicações individuais, uma função de extrema utilidade que permite à Deck assumir automaticamente o perfil associado à aplicação em primeiro plano num dado momento.

Um exemplo básico de um perfil, com alguns atalhos para aplicações, páginas web da ZWAME e algumas macros básicas (podem programar-se macros muito mais complexas, uma das grandes mais-valias deste produto).
É possível agrupar acções em pastas e também definir multi-acções que, como o nome indica, permitem executar várias acções em simultâneo, com um único toque num botão.

Como o perfil aparece na Deck.

E o conteúdo da pasta “Office”.
Como devem ter reparado, o software assumiu automaticamente os icons das aplicações da Adobe, mas não o fez para as da Microsoft.
Felizmente é algo que pode ser feito facilmente de forma manual, já que o software permite definir icons personalizados para todas as acções, e até icons diferenciados para diferentes estados de uma acção (activa / desactiva).
As teclas têm uma resolução de 72×72 pixeis e qualquer pessoa pode criar os seus próprios icones com recurso ao mais básico dos editores de imagem.
Mas para facilitar ainda mais o processo, a elgato disponibiliza uma ferramenta online, que pode ser acedida a partir do software da Deck, dedicada à criação de teclas personalizadas.

Ou wallpapers.

As possibilidades são imensas. Apoiada por um excelente e versátil software, a Stream Deck tem o potencial de se tornar uma ferramenta de enorme valor para muitos utilizadores, streamers e não só.

Página anterior 1 2 3 4Página seguinte
Etiquetas

Artigos Relacionados

Close
Close